FAQs Perguntas mais freqüêntes

Questão 01.    O que é a Tabelinha?
Questão 02.    Como posso utilizar a tabelinha para não engravidar?
Questão 03.    Como posso utilizar a tabelinha se desejo ter um bebê?
Questão 04.    O meu intervalo fértil, relatado pela tabelinha, é de mais de 30 dias, o que devo fazer?
Questão 05.    Se não tenho contatos íntimos para que serviria a tabelinha?
Questão 06.    Sou virgem. A Tabelinha funciona do mesmo jeito?
Questão 07.    A Tabelinha é um método anticoncepcional seguro?
Questão 08.    Que dia devo anotar como início da menstruação?
Questão 09.    Preciso anotar o último dia da menstruação?
Questão 10.    Posso usar outros métodos anticoncepcionais ao mesmo tempo?
Questão 11.    Eu tomo pílula, como a tabelinha poderia ser útil?
Questão 12.    Quais são os riscos para a saúde?
Questão 13.    Meu ciclo é bastante regular, posso usar apenas a Tabelinha como anticoncepcional?
Questão 14.    Preciso usar camisinha?
Questão 15.    Minha religião não permite o uso de anticoncepcionais. A Tabelinha é proibida também?

Respostas

Resposta da questão 01.   
O que é a Tabelinha?

A tabelinha é um dos métodos mais antigos utilizados para se evitar a concepção. Em torno de 1930, independentemente, Ogino e Knauss realizaram estudos estatísticos envolvendo amostras consideráveis de mulheres e constataram um ciclo médio de 28 dias contados a partir do primeiro dia da menstruação; e que a ovulação ocorria em média no décimo quarto dia. A partir daí foi possível desenvolver um método que, com "alguma segurança", previa o intervalo passível de ocorrer fecundação. Este método envolve alguns cálculos e, para que se faça útil a estatística, é conveniente que se tenha no mínimo as seis últimas datas que marcaram o início das seis últimas menstruações, se tiver mais é melhor.

Sua eficiência é baixa se comparada a outros métodos como pílula, DIU, preservativos, etc. Como as doenças sexualmente transmissíveis são um fato, entendemos que a tabelinha não deve dispensar o preservativo. Isto vale em particular para adolescentes que estão descobrindo sua intimidade agora, e portanto, estão sujeitos aos, não desprezíveis, problemas da aprendizagem. Se a intenção for evitar a gravidez então utilizem a tabelinha para excluir contatos íntimos no período fértil e não para dispensar o preservativo no período "provavelmente" infértil.

Às futuras mamães a tabelinha pode ser de extrema utilidade, sugerimos que concentrem suas energias no período fértil. Que sejam felizes são os nossos mais sinceros votos.

Todas as mulheres que estão em atividade menstrual podem se beneficiar de um registro regular de seus ciclos. Isto inclui as que ainda não iniciaram suas atividades sexuais. Em especial, seu ginecologista poderá contar com um instrumento a mais ao cuidar de sua saúde.

Resposta da questão 02.   
Como posso utilizar a tabelinha para não engravidar?

Evite o contato íntimo no período fértil, mesmo usando preservativos! Utilize sempre preservativos no período em que "provavelmente" não ocorreria concepção.

Resposta da questão 03.   
Como posso utilizar a tabelinha se desejo ter um bebê?

Concentre suas "energias" no período fértil.

Resposta da questão 04.   
O meu intervalo fértil, relatado pela tabelinha, é de mais de 30 dias, o que devo fazer?

Isto significa que você tem uma baixa regularidade na duração dos seus ciclos, ou seja, você alterna ciclos curtos e ciclos longos. O método, que normalmente já tem uma baixa taxa de acerto, torna-se, nestas circunstâncias, inadequado como medida contraceptiva.

Resposta da questão 05.   
Se não tenho contatos íntimos para que serviria a tabelinha?

Todas as mulheres que menstruam podem se beneficiar de um registro regular de seus ciclos. Isto inclui as que ainda não iniciaram suas atividades sexuais. Seu ginecologista poderá ajuda-la melhor pois irá conhecê-la melhor. Além disso quando seu relacionamento for se aprofundando você estará mais bem informada sobre você mesma?

Resposta da questão 06.   
Sou virgem. A Tabelinha funciona do mesmo jeito?

Sim, do mesmo jeito.

Resposta da questão 07.   
A Tabelinha é um método anticoncepcional seguro?

Sua eficácia é baixa se comparada a outros métodos como pílula, DIU, preservativos, etc. Mas combinado com o preservativo aumenta muito a segurança e é extremamente natural. Utilize a tabelinha para evitar contatos íntimos no provável período fértil, e utilize o preservativo em todas as relações sexuais.

Resposta da questão 08.   
Que dia devo anotar como início da menstruação?

O primeiro dia da menstruação deve ser o dia em que ocorrem os primeiros traços de sangramento, inclusive sinais escuros.

Resposta da questão 09.   
Preciso anotar o último dia da menstruação?

Para efeito do método tabelinha não é de nenhuma utilidade.

Resposta da questão 10.   
Posso usar outros métodos anticoncepcionais ao mesmo tempo?

Sem dúvida, em particular o preservativo que deixou de ser apenas um método anticoncepcional e passou a ser uma segurança contra doenças sexualmente transmissíveis.

Resposta da questão 11.   
Eu tomo pílula, como a tabelinha poderia ser útil?

A pílula tem uma eficácia muito alta se comparada à tabelinha mas sempre envolve acompanhamento e períodos de repouso. Com a tabelinha fica mais fácil acompanhar isso.

Resposta da questão 12.   
Quais são os riscos para a saúde?

Esta é uma grande vantagem do método, não há risco nenhum para saúde pois não envolve medicamentos ou qualquer intervenção no organismo.

Resposta da questão 13.   
Meu ciclo é bastante regular, posso usar apenas a Tabelinha como anticoncepcional?

Confiar apenas na tabelinha é extremamente arriscado. Mesmo sendo regular existem outros fatores como tempo de permanência da atividade espermática, duração do óvulo, e produção de mais de um óvulo por ciclo, tudo isso pode apresentar surpresas. Além disso, nem sempre o problema se resume à concepção. O preservativo é um elemento indispensável para se evitar doenças sexualmente transmissíveis.

Resposta da questão 14.   
Preciso usar camisinha?

O preservativo é um elemento indispensável para se evitar doenças sexualmente transmissíveis.

Resposta da questão 15.   
Minha religião não permite o uso de anticoncepcionais. A Tabelinha é proibida também?

Isto varia de religião para religião. O Brasil é um país de maioria católica. No catolicismo o único método permitido para que os casais, devidamente unidos pelos sagrados laços do matrimônio, evitem a concepção é a tabelinha.

banner
banner